Pesquisa Unidades de pesquisa

Unidades de pesquisa

Complexo de Ciências Agrárias (CCA)

O CCA ocupa uma área de 27 hectares e está localizado no Centro Agrotecnológico de Palmas, na todovia TO-050, km 23, estrada vicinal km 08, zona rural no município de Palmas-TO (Fig. 1).

O CCA foi inaugurado em 12 de abril de 2004 por meio de um acordo de cooperação entre a Seagro e a Unitins, o qual visa à cooperação mútua em ações conjuntas para coordenar a pesquisa agropecuária do estado do Tocantins e atividades afins e tem como objetivo tornar um centro de referência em ensino, pesquisa, capacitação e transferência de tecnologias.

Visando a melhoria para o desenvolvimento da pesquisa agropecuária e ambiental foi construída a Central Analítica de Pesquisa Agroambiental (Cepam). Situada no Complexo de Ciências Agrárias, a Cepam conta com uma área física de 1.985m² que abriga 13 laboratórios; 14 salas para pesquisadores; 1 sala de diretoria, 4 salas de coordenação, 1 sala de reunião, 1 sala para técnicos, 1 sala de socioeconomia, 1 sala de modelagem e 1 sala de editoração. Além da disso, possui mais três blocos e unidades isoladas de laboratórios (Fig. 2).

                          Figura 2. Central Analítica de Pesquisa Agroambiental (CEPAM)

 

Atualmente o CCA é composto pelos seguintes laboratórios: Entomologia; Herbário; Fitotecnia I; Limnologia/Hidrologia; Agroambiental (fertilidade do solos e nutrição de plantas); Tecnologia e produção de alimentos e mel; Fitopatologia; Fitotecnia II; Zootecnia; Mecanização rural; Agroecologia; Biodiversidade e Conservação; Genética/Banco de Germoplasma, Física do Solo e Sedimentologia, Agroenergia (Fig. 3). 

 

A infraestrutura laboratorial e de campo do CCA tem permitido atender 20 disciplinas do curso de Engenharia Agronômica, além de agricultores familiares, produtores rurais, projetos de pesquisas nas áreas de ciências agrárias e ambientais (PIBIC, CNPq, Funpex/Unitins, UFT, Embrapa) e atividades de Ensino e Extensão (Unitins, Seagro, Ruraltins, Embrapa e Asociações de produtores) do Estado do Tocantins (Fig. 4).

Figura 4. Laboratório Agroambiental (Análise de solo)

 

Conta ainda com uma Biofábrica e módulos em Apicultura, Caprinocultura e uma Unidade de Referência em Agroecologia denominada de Fazendinha Agroecológica (Fig. 5).

Centro de Pesquisa Agroambiental de Várzea (CPAV)

O CPAV (antiga Estação Experimental do Projeto Rio Formoso - EEPRF) localiza-se no município de Formoso do Araguaia-TO e foi incorporado ao patrimônio da Unitins a partir de 1992. A 36 km da cidade de Formoso do Araguaia, o CPAV possui uma área total de 157 ha, dividido em duas áreas: sede administrativa e campo experimental. 

O CPAV é um espaço reservado para o desenvolvimento de pesquisas, validações de tecnologias, produção e grãos/sementes, estágios para estudantes de colégios agrícolas, faculdades de Agronomia, Engenharia Agrícola, Engenharia Ambiental, treinamentos para técnicos, agricultores na região da várzea tropical.

• Sede administrativa 12 ha: composta por um galpão de máquinas conjugado com almoxarifado, oficina, armazém de insumos agrícolas e escritório administrativo; um alojamento com capacidade de até 25 pessoas, um laboratório de fitotecnia; um restaurante para funcionários e estudantes, uma casa para professores e pesquisadores; uma casa para funcionários; uma casa para estudantes-estagiários.

• Área de produção e de pesquisa 145 ha: totalmente sistematizada para a produção e pesquisa para cultivo de arroz irrigado por inundação no período da safra, sendo explorada na entressafra com outras culturas (soja, milho, girassol, melancia, tomate, etc.), por meio do sistema de subirrigação (elevação do lençol freático). São desenvolvidas pesquisas com arroz irrigado nas áreas de melhoramento e manejo além do melhoramento de soja e feijão na entressafra.

 

Laboratório de Referência Animal (LARA)

O LARA, situado em Araguaína-TO, é um complexo laboratorial destinado a realização de análises nas áreas de bacteriologia, imunologia, sorologia, virologia e biotecnologia, além de fazer 18 diferentes exames, como tuberculose; anemia infecciosa equina e raiva; suporte técnico para execução de programas de sanidade animal; promove a capacitação de profissionais; contribui através do conhecimento científico e tecnológico para desenvolvimento da pecuária no Tocantins.

 

Unidade de Pesquisa em Abacaxi

Essa unidade é localizada município de Miranorte. Entre as ações já desenvolvidas estão: implantação do viveiro de mudas de abacaxi; construção de cerca de proteção da unidade; preparo do solo e plantio das mudas/matrizes de abacaxi. Essas ações estão sendo desenvolvidas com recursos do projeto Finep/Abacaxi.




© Universidade Estadual do Tocantins - UNITINS
108 Sul Alameda 11 Lote 03, Cx. Postal 173, CEP: 77020-122, Palmas-TO
FONES: (63) 3218-4936 / 3218-2902 / 3218-2974
Desenvolvido pela Diretoria de Tecnologia da Informação