Relações Internacionais da Unitins

Atualmente um dos maiores desafios da ciência no Brasil é disseminá-la para além do território nacional. A internacionalização, nesse contexto, torna-se fundamental para o fortalecimento do ensino e divulgação da pesquisa desenvolvida no Brasil em nível global.

 

Nos últimos anos, o Brasil registrou avanços significativos em relação à internacionalização no Ensino Superior, por meio de iniciativas como: o programa Ciências Sem Fronteiras, o Capes-Print, da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) e chamadas anuais para mobilidade internacional do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq). Os programas de bolsas internacionais como Erasmus, Grupo Coimbra, Fundação Carolina, entre outros, também proporcionam a mobilidade internacional de estudantes e docentes.

 

A Universidade Estadual do Tocantins (Unitins), enquanto instituição pública, compreendendo essa necessidade e entendendo que associações em rede e parcerias interinstitucionais fortalecem a universidade como entidade geradora de conhecimento, tem buscado se conectar em nível regional, nacional e internacional. A troca de expertise promovida pelo intercâmbio de alunos e professores é o primeiro passo da universidade para ganhos ainda maiores, ou seja, aqueles provenientes da troca científica, tecnológica e cultural, impulsionada pela vinda de professores e alunos estrangeiros para a Unitins e o Estado do Tocantins e vice-versa.

 

Além disso, a internacionalização no Ensino Superior se insere no contexto de desenvolvimento global, trazendo impactos positivos nas esferas educacionais, sociais, econômicas e culturais das universidades, além de posicioná-las em um cenário mundial.

 

Nessa perspectiva, a Unitins tem buscado desenvolver Políticas de Internacionalização para a promoção de cooperações internacionais bilaterais com Instituições do exterior, visando a mobilidade acadêmica e o desenvolvimento de pesquisa em parceria; participação em editais de fomento a ações de internacionalização; participação em projetos internacionais de popularização das ciências e projetos internacionais culturais e educativos; e a criação do Plano Institucional de Internacionalização. Tem buscado, também, alinhar a internacionalização “em casa” com políticas linguísticas que promovam o ensino de idiomas estrangeiros para fins acadêmicos a partir da graduação.

 

Entre as atribuições do setor de Relações Internacionais da Unitins, vinculado à Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação (Propesp), estão:

  • Assessorar a Reitoria nas relações internacionais da Universidade;

  • Dar assistência à Reitoria, aos órgãos centrais e às unidades na área de cooperação acadêmica nacional e internacional.

 

Dentro dessa visão, reconhecendo a importância de formar cidadãos conscientes e proativos diante de necessidades globais, a Unitins elege a internacionalização como uma das áreas prioritárias de seu Plano de Desenvolvimento Institucional (PDI) no âmbito do ensino, pesquisa e extensão.

 

Missão das Relações Internacionais da Unitins:

- promover ações visando a presença física internacional na Unitins;

- estabelecer relações em rede com instituições internacionais para realização de acordos multilaterais;

- fomentar a mobilidade acadêmica de docentes, discentes e técnicos por meio de editais de fomento do CNPq e Capes, bem como agências internacionais de fomento;

- apoiar a comunidade acadêmica, sobretudo os docentes, em suas networks internacionais;

- consolidar indicadores da internacionalização da Unitins.

 

Contatos:

Clarissa de S. Oliveira McCoy - Responsável pelas Relações Internacionais da Unitins

E-mail: (rint@unitins.br)

Telefone: (63) 3218-4927

 

Acordos e Parcerias

Museum Alliance (veja notícia)

• Universidade da Beira Interior (veja notícia)

 

Minutas para Acordo de Cooperação Internacional

Versão Português

Versão Inglês

 

Calendário de editais 

Calendário de eventos

162
Ouvidoria
Geral do Estado do Tocantins
Acesso à Informação
Portal da Transparência
Demonstrativos da UNITINS