Projeto de extensão do Câmpus Augustinópolis presta atendimento na Capital

Os participantes foram contemplados com auriculoterapia, ventosaterapia e massoterapia

Carlos de Bayma SAÚDE 23/06/2022 15:20

Ambulatório de Práticas Integrativas prestando atendimento a servidores da Junta Médica (Foto: Nonato silva/ Unitins)


O Ambulatório de Práticas Integrativas, um projeto de extensão do curso de Enfermagem do Câmpus Augustinópolis, da Universidade Estadual do Tocantins (Unitins), esteve na manhã dessa quinta-feira, 23, na Junta Médica do Estado, a convite da Secretária de Estado da Administração (Secad) realizando atendimento às pessoas que estavam em perícia médica. O projeto é coordenado pela professora Hanari Tavares e pelo professor Francisco Dimitre, e também conta com a participação da professora Késia Chaves.

 

Hanari explica que “na Junta Médica atendemos as pessoas que estavam em perícia médica, e atendemos também os servidores da Junta. Trouxemos o Ambulatório de Práticas Integrativas. A finalidade é demonstrar outras opções de tratamento, de se buscar melhor qualidade de vida, mediante outras técnicas e opções que não seja medicamentosa, como a auriculoterapia, ventosaterapia, massoterapia, que são técnicas que trouxemos hoje”.

 

“E nessa tarde, estamos oferecendo esses serviços aos servidores da sede administrativa da Unitins, a convite da Pró-Reitoria de Extensão, Cultura e Assuntos Comunitários. Esse projeto é vinculdado à disciplina de extensão de Práticas Integrativas e Complementares em Saúde, na qual o acadêmico estuda a base teórica e tem a oportunidade de vivenciar a prática dentro do ambulatório, como também nas ações da própria disciplian extensionista”, destacou Hanari, que também é coordenadora do curso de Enfermagem.

 

Acadêmico de Enfermagem durante procedimento de massoterapia (Foto: Nonato silva/ Unitins)

162
Ouvidoria
Geral do Estado do Tocantins
Acesso à Informação
Portal da Transparência
Demonstrativos da UNITINS