Unitins realiza audiência pública em Guaraí para debater implantação de cursos tecnólogos

Audiência, que aconteceu no Câmara de Vereadores, marca a possibilidade de retorno da Unitins ao município

Ruy Bucar TO GRADUADO 03/06/2022 13:02

Reitor Augusto Rezende durante audiência pública para debater implantação de cursos tecnólogos em Guaraí (Fotos: Nonato Silva/Dicom Unitins)


A Universidade Estadual do Tocantins (Unitins) realizou nesta quinta-feira, 02 de junho, às 19h, na Câmara Municipal de Guaraí, a audiência pública para debater a implantação de cursos tecnólogos no município e região, por meio do projeto do Governo, o TO Graduado, que conta, ainda, com a parceria da Secretaria da Educação e Cultura (Seduc). Guaraí será contemplada com a instalação de um Núcleo de Atuação Universitária, responsável pela oferta dos cursos. Participaram da audiência, líderes políticos, professores, estudantes e representantes da sociedade civil.

O projeto foi apresentado pelo reitor da Unitins, Augusto Rezende, que explicou como vai funcionar o Núcleo de Atuação Universitária, em Guaraí. “A Unitins tem se colocado também como responsável pela promoção do desenvolvimento regional, com a formação de mão de obra qualificada, por isso criamos o projeto TO Graduado, que vem trazer oportunidade para muitos municípios do Tocantins”, destacou o reitor, informando que a Unitins já está presente em todo Estado com cinco câmpus – Palmas, Araguatins, Augustinópolis, Dianópolis e Paraíso –  e com 17 cursos de graduação como Medicina, Direito, Ciências Contábeis, Administração, Serviço Social, Sistemas de Informação, Engenharia Agronômica e Tecnologia em Gestão do Agronegócio, dentre outros.

Os cursos

Gestão em Agronegócio, Gestão Pública, Análise e Gestão de Mídias Sociais, Análise e Desenvolvimento de Softwares, Gestão em Turismo e Gestão de Eventos estão no rol dos cursos que podem começar ainda este ano, e também as licenciaturas de História e de Pedagogia, em 2023. O reitor explicou que, para agilizar a implantação do projeto TO Graduado, foi estabelecida uma parceria com a Secretaria da Educação e Cultura (Seduc) que irá destinar a escola estadual que abrigará o Núcleo de Atuação Universitária. A expectativa é de que o vestibular aconteça já no início do segundo semestre. 

Repercussão

“Para nós guaraienses hoje é um dia muito especial. Porque eu vivenciei como muitos que estão aqui, a saída da Unitins da cidade. Em nome do povo de Guaraí queremos agradecer a decisão do governador Wanderlei Barbosa em trazer de volta a Unitins para nossa cidade”, declarou o vereador Gleidson Bueno, presidente da Câmara, ao abrir a audiência, reiterando que o pedido para a oferta de cursos tecnólogos pela Unitins partiu do parlamento municipal.

O deputado Ricardo Ayres, que prestigiou a audiência, garantiu que a oferta de cursos tecnólogos pode ser o início de um processo de resgate da importância histórica de Guaraí na implantação da Unitins. “A Unitins deve vir para ficar e vai dar chances do filho do pobre virar doutor, do filho do pobre estudar e se qualificar, e vai fazer com que Guaraí volte a ser uma referência na área da educação, vai permitir que os jovens daqui não tenham necessidade de sair da cidade para estudar”, comenta, acentuando a importância de Guaraí no contexto estadual, de polo regional do centro-norte.  

"Me sinto muito feliz por participar deste momento tão importante para a nossa Guaraí”, disse a professora Andreia Sabóia, diretora Regional de Ensino.

Para o representante do Grêmio Estudantil do Centro de Ensino Médio Orquelina Torres, Heitor Jales, estudante do 2º ano, é uma conquista importante a volta da Unitins para Guaraí. “Um projeto que vai ajudar muito os estudantes daqui, pois a maioria tem que sair para estudar, e com vinda da Unitins vai mudar esta realidade”, avalia. “Espero poder escolher um curso que possa acrescentar ao meu projeto de futuro”, comenta a estudante do 2º ano do Colégio Militar de Guaraí, Yasmin Pedro de Macedo.  

Prestigiaram a audiência além do reitor da Unitins, Augusto Rezende, as seguintes autoridades: o presidente da Câmara Gleidson Bueno; os vereadores Mikêias Feitosa e professora Rita Lopes; secretário municipal de Educação professor Sebastião Mendes; Diretora Regional de Ensino, professora Andreia Sabóia e o deputado estadual Ricardo Ayres. Acompanharam o reitor nesta audiência o professor José Fernando Miranda, que integra a equipe pedagógica dos cursos tecnólogos, e o diretor de Relações Políticas Institucionais da Unitins, Paulo Henrique Borges.

Estudantes acompanham a discussão para implantação do Núcleo de Atuação Universitária (Fotos: Nonato Silva/Dicom Unitins)



 

162
Ouvidoria
Geral do Estado do Tocantins
Acesso à Informação
Portal da Transparência
Demonstrativos da UNITINS