Em live, reitor faz balanço de avanços alcançados nos últimos anos e prospecções para a Unitins em 2027

Trabalhos de construção colaborativa do PDI acontecem por meio de seis comissões de trabalho, envolvendo toda a comunidade acadêmica de todas as unidades da Unitins

Ruy Bucar PDI 2023-2027 06/04/2022 14:17

 

O reitor Augusto Rezende abriu nesta quarta-feira, 06, o processo participativo de construção do Plano de Desenvolvimento Institucional (PDI) 2023-2027 da Universidade Estadual do Tocantins (Unitins). Com o tema “Qual a Unitins que queremos em 2027”, o reitor fez um balanço da atuação da Universidade nos últimos quatro anos, apontando os avanços, desafios e, sobretudo, a importância de um planejamento bem estruturado que atenda às demandas de crescimento. O evento se deu por meio de live no canal oficial da Unitins no Youtube e contou com a participação de professores, técnicos administrativos e estudantes de todas as unidades da Universidade.

 

“A Unitins que queremos em 2027 passa por uma decisão de agora, de que forma vamos tomar as decisões, de que forma vamos organizar a execução orçamentária, de que forma vamos organizar a evolução pedagógica, abertura de curso, abertura de câmpus, tudo depende desse planejamento”, disse o reitor na abertura da sua exposição, fixando o ano de 2018, quando assumiu a Reitoria, como o marco da retomada do valor de referência institucional da Unitins.   

 

Augusto lembrou que havia um questionamento recorrente sobre o valor institucional da Unitins. "Uma universidade que se dizia que gastava muito e fazia pouco. Isso era muito grave. Tudo esbarrava na falta de valor institucional”, relatou enfatizando que Unitins foi a base para a criação da Universidade Federal do Tocantins (UFT) e foi importante para expansão do ensino superior, mas enfrentava uma situação delicada em 2018. O professor aponta o histórico de 32 anos de atuação, com mais de 90 mil diplomas emitidos, como um dado inegável da importância da Unitins para o Tocantins.

O reitor apresentou dados que comprovam o enorme avanço da Unitins nestes últimos quatro anos em todas as áreas. Com investimentos em quatro eixos estruturantes – quantitativos, qualitativos, estruturais e formação – a Universidade conseguiu aos poucos resgatar o seu valor institucional. “Estamos num bom momento. A Universidade foi capaz de se reinventar nestes quatro anos porque a gente trabalhou muito, com o envolvimento de toda a comunidade acadêmica”, pontou o reitor garantido que esse trabalho resultou no resgate do valor Unitins como uma marca cada vez mais valorizada.  

 

O reitor destacou, ainda, a participação da Unitins em conselhos e comitês estratégicos do Estado e aumento significativo na procura do vestibular - em 2017 o vestibular contou com 2.800 candidatos, em 2021 foram 11.343 inscritos - como dados que comprovam o crescimento da Universidade. “Fizemos história ao abrir o curso de Medicina na Untins”, declarou o reitor citando também a aprovação da PEC que garante 1% do orçamento do Estado para a Unitins como o dado que coroa esse esforço de recuperação. “Essa conquista nos coloca em condições de planejar a universidade, isso é muito importante, por isso o PDI, e a gente só conseguiu porque resgatamos o valor de referência”, disse o reitor destacando que o desafio é consolidar tudo o que foi conquistado nos últimos anos.

  

 

A professora Arlenes Delabary Spada, diretora de Desenvolvimento e Pesquisa Institucional, apresentou o cronograma de trabalho de como será o processo de construção do PDI. “O planejamento que estamos fazendo é para que todos vocês sejam ouvidos e tenham oportunidade de participar”, comentou reforçando que é necessário que seja um processo colaborativo e participativo. A professora informou que estão instituídas seis comissões temáticas que já estão trabalhando e que cada uma é composta por professores, técnicos-administrativos e estudantes. Os encontros virtuais e/oupresenciais dessa primeira fase de construção do PDI se estendem durante as próximas seis semanas. O próximo encontro será realizado na segunda-feira, 11.

 

Ainda durante a live,o analista de sistemas Glauko Carvalho, que integra a equipe da Diretoria de Desenvolvimento e Pesquisa Institucional apresentou o site desenvolvido especialmente para este processo de planejamento, como repositório de todos os documentos referentes aos trabalhos de construção do PDI 2023-2027.

 

A live foi mediada pela diretora de Comunicação da Unitins, Charlyne Sueste.   

162
Ouvidoria
Geral do Estado do Tocantins
Acesso à Informação
Portal da Transparência
Demonstrativos da UNITINS