Grupo de Pesquisa promove palestra sobre diagnóstico laboratorial da Covid-19

Evento acontece no dia 5 de maio e as inscrições podem ser feitas pelo Sistema de Eventos da Unitins

Ruy Bucar PREVENÇÃO 26/04/2021 14:23

Que medidas protetivas realmente funcionam? O que devo mudar dentro de casa? Quais as melhores máscaras? Essas são algumas dúvidas que a palestra “Covid-19: prevenção e diagnóstico” pretende esclarecer como forma de levar orientações sobre o diagnóstico laboratorial da Covid -19. Uma iniciativa do Grupo de Pesquisa de Doenças Infecciosas e Negligenciadas (Din) da Universidade Estadual do Tocantins (Unitins), ligado ao curso de Enfermagem, Câmpus Augustinópolis.

 

O evento, que tem o apoio da Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação (Propesp), acontece no dia 5 de maio, com transmissão pelo canal da Propesp/Unitins, no Youtube. As inscrições estão abertas e podem ser feitas até o dia da realização, pelo Sistema de Eventos da Unitins. 

 

Segundo os organizadores, a live tem como objetivo levar informações e orientações à comunidade acadêmica e população geral sobre o diagnóstico laboratorial da Covid-19. Podem participar estudantes da Unitins e comunidade em geral.  O Grupo de Pesquisa de Doenças Infeccionas e Negligenciadas (Din) desenvolve atividades de caráter disciplinar, promovendo assim o conhecimento acerca do diagnóstico, contribuindo cientificamente com a comunidade acadêmica, profissional e população em geral. O participante da live terá direito a certificado de duas horas.

 

A professora mestra Lilian Natália Ferreira, que coordena o evento, explica que a live abordará de maneira fácil e direta as atualizações necessárias na prevenção e combate a Covid-19.

 

Segundo ela, a palestra foi dividida em dez tópicos com base nas principais dúvidas com que as pessoas se deparam no dia-a-dia. Que medidas protetivas realmente funcionam? O que devo mudar dentro de casa? Quais as melhores máscaras? As vacinas impedem a transmissão da doença? Quais os melhores testes para diagnóstico? Por quanto tempo a IgM pode ficar positiva? Ter IgM positiva significa que estou transmitindo? Que testes realizar após a vacinação? Ter IgG positiva significa realmente que a pessoa está imune? Por que devo vacinar?

 

 

 

A palestra será proferida pelo médico e biomédico David Bichara, especialista em Patologia Clínica, Saúde Pública e Administração Hospitalar; mestre e doutorando em Biologia de Agentes Infecciosos e Parasitários pelo Instituto de Ciências Biológicas (ICB/UFPA); diretor Científico do Amaral Costa Medicina Diagnóstica e professor do curso de medicina do Centro Universitário Metropolitano da Amazônia (UNIFAMAZ/AM).

 

 

 

162
Ouvidoria
Geral do Estado do Tocantins
Acesso à Informação
Portal da Transparência
Demonstrativos da UNITINS