Extensão Notícia

  • 21/12/2017 14:38:00
  • 21/12/2017 14:47:56
  • Josiane Mendes

Unitins tem aprovada nova política de extensão e instrução normativa

A resolução, publicada no Diário Oficial do Estado do dia 6 de dezembro passado, já está em vigor



Pró-reitora Arely Soares:  política de extensão é marco histórico (Foto: Cristian Reurison/Ascom Unitins)

O Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão (Consepe) da Universidade Estadual do Tocantins (Unitins) aprovou a nova Política de Extensão e a Instrução Normativa que dispõem sobre os procedimentos operacionais para a institucionalização de ações de extensão da universidade. A resolução, publicada no Diário Oficial do Estado do dia 6 de dezembro passado, já está em vigor.

Dentre as disposições gerais da Instrução Normativa, constam que as ações de extensão deverão ser institucionalizadas e executadas de acordo com o Plano de Desenvolvimento Institucional (PDI) da Unitins, bem como deverão ser apresentadas à Pró-Reitoria de Extensão, cabendo à Câmara de Extensão a aprovação de qualquer uma das atividades que vierem a ser executadas.  A instrução traz ainda trâmites das propostas, prazos, carga horária, certificação, relatórios, financiamentos, dentre outros. Os textos completos da Política de Extensão e da Instrução Normativa podem ser conferidos aqui.  

Para a pró-reitora de Extensão, Arely Soares, a Política de Extensão é um marco histórico para toda a comunidade acadêmica e expressa o compromisso da universidade com a qualificação e a institucionalização das ações de extensão. ”É um documento orientador que aborda aspectos conceituais, estabelece princípios, diretrizes e objetivos na perspectiva do reconhecimento da Extensão como processo acadêmico indissociável do ensino e da pesquisa. Enfim, é uma conquista que avança no sentido da consolidação da Extensão no âmbito da Unitins”, declarou.

Em relação à nova instrução normativa, Arely explicou que é fundamental na organicidade e clareza dos caminhos para apresentação e aprovação de propostas de programa, projeto, curso, evento, prestação de serviço e produtos acadêmicos. “Um ponto importante se refere a abertura para que técnicos administrativos de nível superior possam coordenar ações de extensão, desde que a proposta contemple docentes e discentes. Outra questão diz respeito à simplificação dos trâmites para institucionalizar ações permanentes, a exemplo da semana acadêmica que é realizada anualmente, bem como aquelas aprovadas em fontes externas que anteriormente exigia aprovação da Câmara de Extensão e agora apenas é homologada pela mesma. E, ainda, a Instrução prevê a abertura de edital anual para seleção de ações de extensão que demandem recursos financeiros da Unitins”, completou a pró-reitora.


© Universidade Estadual do Tocantins - UNITINS
108 Sul Alameda 11 Lote 03, Cx. Postal 173, CEP: 77020-122, Palmas-TO
FONES: (63) 3218-4936 / 3218-2902 / 3218-2974
Desenvolvido pela Diretoria de Tecnologia da Informação